segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Mundo Off Road... Ibitipoca Off-Road 2011 - Federação Mineira Causa Indignação ao Esporte 4x4

Arbitrariedades da Federeçao Mineira e Atititudes Antidesportivas de Competidores tiram Equipe Belorizontina do Podium Do Ibitipoca Off Road.



Boatos sobre uma brincadeira de criança, de que alguém teria colocado pregos nos pneus dos carros dos competidores da categoria Graduados, antes da largada de domingo do Rally Ibitipoca Off-Road 2011, obrigaram o Piloto Bruno Sander, da Equipe Sander 4x4 Racing, a sair de seu veiculo(L200 Triton-Eleanor), já posicionado na linha de largada, para averiguar o boato.


Detectada a veracidade dos boatos pela Equipe Sander 4x4 Racing (inclusive com a constatacao de um prego no pneu da sua Mitsubishi) e por outras duas equipes, ou seja, realmente alguém havia colocado pregos nos pneus dos três primeiros veículos dos competidores (Os tres primeiros na classificacao). Foi acionada a Federação Mineira de Automobilismo(FMA), que estava no local para fiscalizar a prova, e, nesse intermeio, competidores de Juiz de Fora, exaltados e no calor da situação, incriminaram falsamente o Piloto Bruno Sander (também vitima), e numa atitude antidesportiva, um competidor agrediu fisicamente o Piloto Bruno (diante do vomissario da FMA, que se omitiu), e outro competidor furtou a chave de ignição do veiculo de sua L200 Triton, escondendo-a para que ele não largasse.

"Faço Rally por gostar do esporte, não ganho um centavo com isso, ao contrário, só tenhos gastos com as provas, com as viagens, com a manutenção do veiculo e esta prova, pra mim, seria apenas um treino com meu novo navegador. Ou seja, NAO estávamos buscando resultado algum. O que viesse seria bem vindo!" disse o Piloto Sander.

Numa ação de correção, o Comissário Sr. Davi da Federação Mineira de Automobilismo, autorizou a Equipe Sander 4x4 Racing a largar em ultima posição, mas, como a chave de ignição havia sumido, o Piloto Sander solicitou ao Comissário David, que, com sua autoridade, que devolvessem sua chave de ignição furtada.

"No neutro sempre verifico o reaperto das porcas das rodas, depois de ter sofrido um acidente numa prova no Rally Transcatarina 2011, onde as porcas mal apertadas se soltaram e uma das rodas saiu voando, me tirando da prova, razão pelo qual me acusaram. Pois, segundo eles, me viram abaixado próximo as rodas do meu carro, com a chave de roda." palavras de Bruno Sander.

Quando o comissário retornou minutos depois, diante da pressao dos competidores locais (de Juiz de Fora), desclassificou a Equipe Sander 4x4 Racing, impedindo-os de largar na prova, alegando que ele seria o culpado de toda a situação com os pregos, sem ao menos ouvi-los, ou ter quaisquer provas do ocorrido.

Quando foi indagado sobre o furto da chave de ignição, o Comissário David a entregou e disse:"encontrei a chave no meu bolso. Alguém deve ter colocado e eu nem vi quem foi."


Na chegada à Juiz de Fora/MG, onde o Rally terminaria, a Equipe Sander 4x4 Racing foi literalmente impedida de entrar no local de premiação (e onde estava a Direção da Prova) por integrantes do Jeep Clube local, ja que se entrasse sofreria agressão fisica. Os integrantes disseram: "Aqui em Juiz de Fora quem manda somos nós", sendo impedido-o ate mesmo de conversar com a organização do evento e apresentar sua defesa ou se apresentar diante dos outros competidores.

Atitudes arbitrárias e impensadas como as da FMA/MG, desabonam a organização impecável do Rally Ibitipoca Off-Road. A organização ainda não teve a oportunidade de se pronunciar a respeito.

O piloto Bruno Sander, que corre Rallys em todo o Brasil e nunca teve problemas relacionados a "Condutas anti-desportivas" em lugar algum e e bem conhecido no meio, lamenta que a única maneira que tais competidores encontraram de conseguir o topo Podium foi eliminando-o da prova de uma maneira tão desonesta e com tamanha maldade.

"Fui para competir e treinar, NAO para prejudicar ninguem. Se queriam tanto o Troféu, bastava dizer. Se eu o ganhasse, daria-o de "Bônus de Participação!" - Brinca o piloto.

Fica a indignação diante de meia duzia de competidores desonestos e o sentimento de total injustiça e despreparo em situações como esta da autoridade presente da FMA.

Esperamos que a CBA se manifeste diante de tamanha injustiça e arbritariedade, mostrando a inocência do piloto e tomando as medidas cabíveis para punir os reais responsáveis.


Por: MARCOS THEODORO-MAUARJ
http://lokolamasoffroad.blogspot.com

28 comentários:

Anônimo disse...

A história é esta mesmo???? Acho que está tendo justificativa demais ....

Anônimo disse...

Quem assinou a coluna? É de autoria anônima igual ao meu comentário? rs.

Anônimo disse...

e triste um blog tao bacana sobre rally posta uma coisa dessa!! quem estava no rally sabe a verdadeira historia!!! os competidores viram ele colocando o prego no pneu dos adversarios!!! é um absurdo ele tenta se passar como vitima!! o esporte cada dia vem sofrendo com pessoas de má fé!!! nao esperava ve alguem fazer isso no rally, um esporte onde nao ganhamos dinheiro algum, apenas trofeu!!!coloca a vida das pessoas em risco por causa de um trofeu!!!graças a Deus que nenhum competidor sofreu algum tipo de acidente por conta de um pneu furado colocado por umverdadeiro "prego"!!!

Anônimo disse...

Esse cara deveria virar HOMEM e assumir a safadeza que fez!

O blog antes de postar alguma coisa, deveria averiguar para ver se o que foi relatado realmente é verdade, pois o tal de Sander fez uma grave acusação.

Anônimo disse...

Pelo que ficamos sabendo, participei do evento, pelo menos tres pessoas de jeeps diferentes, viram o garotão campeão aí abaixado ao lado de outros jeeps e que logo após foram constatadas a presença dos super pregões.

Anônimo disse...

A questao é que o piloto Bruno Sander foi flagrado colocando pregos nos pneus dos competidores. O flagra foi direto da federacao, que estaca presente no local. Ato criminoso, em um rally com medias tao justas e perigos na trilha. Sao varios os sites em que ele tenta se justificar. Mas as provas estao la, com a federacao. Pregos novos, gigantes e escondidos com mato em frente aos pneus no momento da largada.

Edson Campolina disse...

De qualquer maneira, é um episódio triste, lamentável, que tira todo o brilho da competição. Mais triste ainda é o anonimato dos que comentam...

............................................................. SÉRGIO HOLANDA disse...

Pessoal...

O blog é imparcial nesta matéria, entendam que é necessário informar, é o que foi feito. O que chegou ao blog foi a matéria muito bem redigida pelo Marcos Theodoro (que devido a algum problema no blogspot não aparece abaixo a assinatura, somente quando marcamos onde está escrito POR:).

Marcos, Baseado nas informações passadas fez com que a matéria fosse criada. É importante verificar todos os lados da história, o que está sendo passado aqui é um dos lados. O piloto Bruno Sander redigiu sua defesa. Ficamos aguardando algum pronunciamento da FMA ou CBA sobre o ocorrido.

Agradeço ao Marcos Theodoro pela matéria compartilhada de seu blog e a todos os comentários aqui postados, que só fazem enriquecer o post.

Gostaria de lembrar que o blog trás informações do mundo off road, rallys e fins, então está é uma triste informação do que aconteceu em um rally, cabe as partes envolvidas esclarecerem o ocorrido e ao blog publicar, de forma imparcial o que lhe é passado de informação. Vamos aguardar o desenrolar deste terrível e lamentável acontecimento e tudo que for enviado ao blog será postado, assim como os comentários sem nenhuma censura, bastando usar da boa educação ao fazer o comentário, como todos os que chegaram até o momento.

Forte abraço a todos e vamos fazer do esporte uma diversão e não um campo de batalha.

Sérgio Holanda

Arthur disse...

Edson, eu estava no local e fui um dos que presenciaram a cena.
O Bruno Sander foi muito infeliz em sua atitude.
O mínimo que se espera e a total exclusão do mesmo de nossos rallys.

Quanto aos que se pronunciaram no anonimato, talvez tenha sido apenas pelo fato de expor sua indignação no site e evitar mais polemica.
TODOS os envolvidos tiveram a hombridade e o carater de falar olhando nos olhos do Sander o quao moleque ele foi, assim como de imeditado o excluíram do evento.
Assim como da mesma forma oficializaram com nome, CPF e assinatura, um documento perante a Federacao de Automobilismo, exigindo uma punição exemplar do mesmo.

A situação nao foi apenas lamentavel e triste como voce colocou. O que aconteceu, foi realmente um atentado a vida dos competidores que ali estavam...

Anônimo disse...

edson campolina, faz alguma diferença pra vocÊ saber o nome de alguem??? isso vai ensinar pro bonitão a nao coloca mais prego??? eu pelo menos nao uso o meu nome pq nao quero meu nome em site nenhum!!!e que esse sander nao use meu nome pra inverter historias e queimar ele igual ele vem queimando um grande rally brasileiro!!agora se vc quiser saber quem sou eu...te procuro no proximo rally e falo tudo isso com vc e com sander,isso se ele for correr ainda ne!! o terceiro comentario de idginaçao é meu!! grande abraço!!!!

wander disse...

Sr Sergio Holanda em respeito ao seu blog estou lhe enviando estas informacoes, nao sou anonimo meu nome e wander Rocha Cortes participei da prova na mesma categoria que o Sr Bruno Sander meu numeral era 516 (pajero tr4 Branca), e fui testemunha ocular de todos os fatos ocorridos, antes de qualquer coisa e fato que a federacao mineira e a Cba tornarao os fatos publicos e as medidas cabiveis serao tomadas tenho certeza, quanto aos relatos do sr Bruno Sander, nao considero isso como uma brincadeira de crianca, pois a vida de muitos competidores poderiam ter sido colocadas em risco e nao se trata de boato e sim de fatos veridicos com provas reais, encaminhadas para FMA, com relacao a declaracao de que o carro do Sr Bruno Sander tambem estava com prego no pneu, e falsa em mommento nenhum do acontecido isso foi verificado, quatro competidores (dois de juiz de fora um de belo horizonte e um de tres rios) viram o sr Bruno sander abaixando justamente nos carros onde foram colocados pregos e nos respectivos pneus muita coincidencia ne, porem eu vi o mesmo colocando o prego no carro 01quanto ao relato da agressao fisica nao existiu, pois se fosse verdade porque o mesmo nao procurou uma delegacia e fez exame de corpo delito, a chave do veiculo realmente foi retirada ( e nao furtada)e entregue ao sr david fiscal da FMA para as devidas providencias, o qual corretamente nao deixou este competidor que no minimo se trata de um irresponsavel largar. Quanto ao Sr Sander ¨que faz rally por gostar do esporte nao ganha nenhum centavo e ao contrario so tem gastos de manutencao do veiculo e veio aqui somente para treinar", tambem nos encontramos na mesma posicao fazemos o esportes por gosto mas acima de tudo respeitamos e ajudamos nossos companheiros colocando acima de tudo a seguranca e a amizade em primeiro lugar nocoes primordias de bom carater, mais uma vez torno a enfatizar onde diz o sr sander" no neutro sempre verifico o reaperto das porcas das rodas" com tanto tempo para fazer manutencao em seu veiculo do termino do dia 1 de prova ate a manha do inicio do dia 2 , boa desculpa para ficar abaixando nos carros dos outros competidores, quanto ao fato da equipe sander ter sido impedida de entrar no local de premiacao acho que foi o minimo que poderia se fazer ao sr sander, pois seu navegador que nao teve nada a ver com o ocorrido participou normalmente da festa de encerramento do rally ate o ultimo momento, nos aqui de juiz de fora tambem corremos rallys por todo brasil ( diga-se campeoes do piocera 2010 2011, transbahia 2011 e campeonato brsileiro 2011), e nunca tivemos problemas dessa natureza em toda historia do nosso jeep club, em relacao ao trofeu que o sr sander fala que nos daria de bonus seria aceito de muito bom grado (assim como temos muitos de varios campeoes locais regionais e nacionais na sede de nosso jeep club), porem se o mesmo tivesse sido conquistado de maneira justa, leal e honesta e com tamanha dignidade, se o mesmo queria tanto um trofeu a todo custo poderiamos ate mandar fazer pra ele.
Estou a sua disposicao para maiores esclarecimentos pois sei que foram divulgados neste blog apenas os fatos relatados pelos sr sander, e tenho certeza que caso seja necessario os buscara mais inormacoes juntos aos orgaos responsaveis.

............................................................. SÉRGIO HOLANDA disse...

Boa noite Wander.

Muito obrigado pelo esclarecimento e pelas informações passadas. Como disse anteriormente o blog é um espaço de divulgação do mundo off road e todas as informações que nos forem passadas serão divulgadas. Muito obrigado por todas as informações repassadas e que nos mostra o outro lado do que ocorreu.

O blog estará sempre a disposição para todos, anônimos ou não, até porque concordo com o anonimato dos comentários, uma vez que nem todo mundo quer ter seu nome ou sua imagem divulgada, o importante é fazer o comentário dentro do respeito a todos que leem diariamente o blog.

Obrigado a todos e espero nunca mais precisar postar um assunto tão esdruxulo e triste como esse.

Abraço,

Sérgio Holanda

Anônimo disse...

1) Nossa....que piloto buunito este Bruno Sander. Também não há no Brasil, quiça no mundo, píloto mais vistoso !!!

2) Nossa, que pick-up maravilhosa a deste piloto. Não há no universo (sim, no universo) pick-up similar !!

3) Agora vamos parar de falar bobagem......Sérgio, parece matéria paga esta que foi postada aqui, heim? Achei totalmente direcionada e nada isenta (estava sim puxando para um dos lados). As brincadeiras dos itens 1 e 2 referem-se a esta imagem que foi passada e não podia deixar passar "em branco".

Do lado de cá, como praticante desta modalidade de rally, espero que seja elucidado o caso, seja qual for o desfecho.

At.

Leitor

............................................................. SÉRGIO HOLANDA disse...

Bom dia Leitor.

A matéria não foi paga, caso tenha lido os meus comentários anteriores teria verificado que a matéria está baseada no que foi passado pelo piloto, aguardando assim que se pronunciassem os demais envolvidos, como ocorreu aqui. O importante foi ter publicado a matéria, mesmo que essa esteja baseada apenas em uma declaração, o que fez com que os demais envolvidos postassem sua versão. Caso não tivesse publicado a matéria os leitores não ficariam sabendo do ocorrido. Lembre-se que aqui não é jornal, uma empresa, não existem recursos investigativos. O blog, neste caso, é um meio de passar informações baseadas no que é informado. Outras matérias são enviadas por empresas de assessoria de impressa, outras tiradas de sites, outras baseadas em um mix de informações disponíveis. Além dessas matérias existem matérias técnicas produzidas por mim, por colaboradores e algumas matérias totalmente desenvolvidas por mim.

Mais uma vez espero que compreendam que foi impostante postar a matéria com a versão do piloto, pois somente ela fez com que as demais versões fossem expostas.

Atenciosamente,

Sérgio Holanda

Fabricio disse...

Eu era o piloto do carro 525, e vi quando este rapaz colocou o prego no meu pneu dianteiro direito, eu fui la e tirei e falei com ele que se ele queria ganhar, que ganhasse na prova e nao trapaceando, os outros competidores escutaram qdo eu falei com ele e teve outro competidor que tambem viu ele se abaixando na frente da roda do carro e depois que escutou eu falando com ele, foi conferir o que ele tinha feito e viu que ele tambem tinha colocado um prego no pneu de outro carro. Eu acho que este rapaz nao tem carater nenhum em fazer um coisa dessa, e nao e homem para assumir o seu erro. Acho que ele dever ser banido do esporte, pq no mundo dos ralys nao tem espaço para esse tipo de pessoa.
Fabricio - Piloto carro 525

Totonho disse...

Senhores que acessam este site, bom dia:
Sou Totonho, presidente do Jeep Club Juiz de Fora.
Com muita tristeza acompanhei ao vivo o desenrolar desta história pois fui o navegador do Wander. Assisti tudo, e participei de cada momento desde o Fabrício descobrir o prego no seu jeep até o impedimento da largada do sr. Bruno. Fatos todos muito bem relatados pelo Wander, neste blog.
Tenho 16 anos que participo de competições off road,de todos os tipos. Nunca havia visto isto. Lamentável. Inescrupuloso. Anti esportivo.
Lamento muito também pelo fato do sr. Bruno sair divulgando que pessoas ligadas ao Jeep Club "local", lê-se Juiz de Fora, tenham, segundo ele, utilizado de ferramentas para eliminá-lo da prova e ainda o impedido de entrar no shopping onde foi o encerramento do evento.
O Jeep Club Juiz de Fora não precisa e nunca precisou de armadilhas, ferramentas, subterfúgios, para galgar o lugar que tem hoje no cenário nacional de competições e outros eventos.
Tudo que conseguiu foi com muito espírito esportivo, garra e companheirismo.
O que o Jeep Club Juiz de Fora fez neste lamentável acontecimento foi impedir que o sr. Bruno continuasse na disputa, que continuasse tendo a oportunidade de armar mais armadilha para outros competidores, denunciando-o ao comissário da FMA presente na largada, e fará tudo para impedir que este ou outros elementos que através de atos criminosos como este continuem participando do esporte. Que seja definitivamente desligado. Não precisamos disto.
Documentos foram enviados à FMA e esperamos que a partir de então o órgão tome oficialmente as medidas cabíveis.
Não é com jeep bonito, gastos vultuosos e atos como os ocorridos que se galga o mais alto no pódio. Precisa-se ter muito mais do que isso.
O Jeep Club Juiz de Fora, através de mim, Luiz Antonio Cavalieri - Totonho, se coloca a disposição para maiores esclarecimentos sobre o fato e convida a todos "verdadeiros jipeiros, competidores" a continuarem praticando este esporte lindo.
Abraços entristecidos a todos.
Totonho

Pedro disse...

O cara foi pego em flagrante!! Nao há nenhuma justificativa para o que ele fez. Foram 3 ou 4 pessoas que viram esse cara colocando os pregos nos pneus. E agora depois dessa palhaçada ele fica ai pagando de coitadinho e tentando queimar a Federação e a prova. TEM QUE SER BANIDO DO ESPORTE.

Anônimo disse...

Em breve postaremos um video para apurar os fatos

............................................................. SÉRGIO HOLANDA disse...

Caro Luiz Antonio Cavalieri (Totonho).

Gostaria de agradecer seu cometário. É extremamente importante conhecermos todos os fatos e mais uma vez espero que episódios com esse nunca mais ocorram.

O blog sempre estará a disposição.

Atenciosamente,

Sérgio Holanda

Leandro ( Pacote ) disse...

Meu carro n 527 ( com um grannnde prego no pneu), e lamentavél atitude desta categoria, na tentativa de ganhar coloca até vidas em risco.

Anônimo disse...

Srs. que estavam na prova, apesar de não estar presente nesta prova, já conheço a "índole" desse rapaz de longa data, apesar de algumas pessoas ainda até hoje duvidarem das coisas que conto do "Dotô". Seria muito interessante e esclarecedor que os Srs. disponibilizassem fotos de seus pneus com os pregos, porque daria mais veracidade aos seus relatos (não que eu duvide deles, muito pelo contrário). Quanto à punição pelos fatos, eu acredito que nada menos que ele ser banido do esporte por um longo tempo, pois uma pessoa que pratica tais atos e ainda depois tem a audácia de vir posar de bom moço, fazendo o seu "relato" do ocorrido não merece ter a compania nas trilhas do Brasil de pessoas de bem, como por exemplo os leitores desse blog e tantos outros que já correram ao seu lado em rallys. Sérgio eu entendo seu blog ter publicado essa notícia, pois como você mesmo disse, provocou as pessoas realmente lesadas à apresentarem o real lado da história. Parabéns pelo blog e pela isenção em seus comentários! Faço votos que notícias como essa que mancham o nosso esporte não apareçam mais nas páginas desse blog. Vou mandar esse comentário como anônimo pois como você mesmo disse não quero expor meu nome junto a um fato como esse, mas se você desejar um contato pode me passar o seu e-mail que terei o maior prazer em fazer contato.

Um amigo do blog

............................................................. SÉRGIO HOLANDA disse...

Obrigado pelo comentário sobre o blog e como você espero realmente nunca mais ter de publicar algo assim, afinal o esporte deveria unir as pessoas!

Atenciosamente,

Sérgio Holanda
itaroca@elogica.com.br

Anônimo disse...

Boa tarde,estou acompanhando estarrecido a narrativa do deprimente episódio dos pregos nos pneus.
Acompanhado de fora e vendo os dois lados do episódio,acho que o Sr. Sander andou vendo muito o desenho "Corrida Maluca" e se inspirou no personagem DICK VIGARISTA, e usou de seus truques sujos para tentar ganhar a corrida. Se no desenho estas trapaças não tem maiores consequências, na vida real poderia ter causado uma grande tragédia.
O Sr. Bruno Sander deve se achar o Sebastian Loeb, pois seu talento é tão grande, mais tão grande, que os competidores do Jeep Club JF tiveram que arquitetar um complexo plano para vence-lo. Plano que incluía a tática suicida na qual furariam os pneus de alguns de seus competidores no primeiro dia para dar credibilidade à arapuca armada para dar o golpe final no super mega ultra campeão Bruno Sander no momento da largada do 2o.dia impedindo o competentíssimo piloto de largar, ficando assim caminho aberto para os membros do JCJF vencerem o IBITIPOCA 2011. Detalhe tudo deve ter sido detalhadamente e previamente combinado com a FMA para prejudicar o indefeso piloto.
Como diria minha vózinha : Este menino tá comendo drogas!KKKK
Acho que além de banido do esporte a motor o Sr Bruno Sander deveria ser denunciado junto ao poder público por tentativa de homicídio.
Um outro detalhe que deve ser levado ao conhecimento do público, ouvi relatos de competidores que participaram da última etapa do MOTORSPORTS Sete Lagoas, na qual nosso super piloto terminou na 3a. posição e disputa a liderança, que vários das equipes que disputam a ponta do campeonato tiveram seus pneus "acidentalmente" furados por pregos durante a prova.
Será muita coincidência ou o nosso DICK VIGARISTA já estava agindo a mais tempo??????????????
Acho que vale a pana investigar!!!!!

Anônimo disse...

Boa tarde Srs. Estou indignado com estes acontecimentos e ainda mais de ver na internet as matérias com a defesa do dito "Dick Vigarista" desta história, em mais de uma revista on-line. Provavelmente matérias pagas pelo mesmo.Transcrevo aqui com indignação e ao mesmo tempo em alerta aos que tiveram sua integridade ameaçadas durante o rally em questão. Caso não se tome providências, esse "moço" pode atentar novamente contra alguém e conseguir causar uma verdadeira tragédia.

"O piloto Bruno Sander declara a seguir o ocorrido no segundo dia de provas do Ibitipoca Off Road, no domingo dia 7 de agosto.

“No dia 07/08/2011 eu estava participando do campeonato de Rally Ibitipoca Off-Road, na Categoria (Carros 4×4) Graduados – Carro 526, no qual após árdua batalha no sábado, estava em segundo lugar, ocorre que, fui acusado por outros competidores (primeiro e terceiro lugares) de, no neutro, logo antes da largada do trecho cronometrado do domingo, quando já estava em meu carro, de capacete e cinto, preparando-me para largar, de supostamente, ter cometido ato de irregularidade, qual seja, tentar provocar dano aos pneus dos automóveis dos participantes do campeonato supramencionado com objeto perfuro-cortante (pregos).

Entretanto, meu carro também se encontrava com o mesmo objeto, porém, a minha palavra de nada valeu naquele momento, pois na oportunidade, fui duramente acusado, sem direito a contraditório nem ampla defesa.

O competidor do carro 525 (em primeiro) não mostrou prova alguma, e o do carro 527 (em terceiro) mostrou um prego que, segundo ele, estava calçado no pneu do seu carro. Enquanto eu mostrei ao comissário da Federação Mineira de Automobilismo (FMA) o prego tal como estava, no pneu traseiro do meu carro (526), sem ao menos me abaixar para tocá-lo.

Mesmo não restando nada comprovado, ainda assim, a chave do meu carro simplesmente foi furtada, com o intuito de atrasar a largada da minha dupla, até então em segundo lugar no campeonato. Além disso, diante do comissário da FMA, fui agredido por dois competidores e não revidei esperando alguma atitude da autoridade no local (FMA) que afastou de mim os dois competidores exaltados e que não foram punidos. A despeito disso, o comissário da FMA me trouxe a chave do meu carro e, ao retornar, não informou com quem a mesma encontrava-se, e promoveu a expulsão da minha dupla.

...

Anônimo disse...

continua

Como se não bastasse, fui impedido (sob ameaça à minha integridade física) de ir ao local de chegada onde se encontrava a secretaria de prova para interpor qualquer recurso ou mesmo apresentar minha defesa, atos estes também presenciados pelo membro da FMA.

Diante de tal situação, como anteriormente mencionado, no mesmo dia eu e meu navegador tentamos esclarecer todo esse equívoco, por sinal situação bastante constrangedora, o que de nada adiantou, pois fora mantida a autuação aplicada.

Diante do exposto, não posso simplesmente fechar os olhos sendo que fui julgado e condenado, por acusações que encontram-se pautadas apenas em suposição de outros competidores como aconteceu.

Ademais, para punir um suposto erro ou irregularidade não se pode cometer outra irregularidade, qual seja, apropriar-se de coisa de outrem, como ocorreu com as chaves do meu carro, no qual tive que ficar parado por mais de 30 minutos, sozinho, numa trilha num local ermo, até que as chaves fossem devolvidas.

Resta dizer ainda, conquanto incida sobre a minha pessoa a acusação pela prática, em tese, de boicote contra meus colegas participantes, tenho a dizer que, se por um lado é verdade que restou evidenciada que haviam pregos nos pneus dos automóveis ali participantes, por outro, também é certo que, inclusive havia prego no pneu do meu próprio carro. E, além disto, havia no do carro atrás do meu, inclusive (ou seja, nos três primeiros colocados).

Mas, neste momento não cabe a mim julgar alguém, afinal não quero correr o risco de cometer alguma injustiça, como aconteceu comigo, pois não se pune crime com crime, nem injustiça com injustiça. Quero ressaltar que sou um cidadão de bem e participar de rallys mantenho apenas como hobby, meu tipo de lazer para me distrair, tirar o stress do dia-a-dia, apenas participar de algo que gosto e, se for campeão, serei de forma justa”

Foi feito contato com a Federação Mineira de Automobilismo para dar seu parecer sobre o assunto: “A FMA não vai se manifestar sobre o ocorrido neste momento, pois estamos aguardando o relatório do comissário para tomar outra providência. Em seguida, o competidor Bruno Sander será convocado para se defender”, afirmou o vice-presidente Antônio Santos. De acordo com o órgão, o relatório deve sair ainda nesta semana.

Assista os vídeos da Sander 4×4 Racing no canal da equipe no YouTube: http://www.youtube.com/user/Sander4×4Racing

A Sander Rally Team tem o patrocínio da Mit Car Minas e da Clínica Sander – Tratamento de Obesidade com Balão e Diagnósticos Endoscópios.

Caroline de Paula / AcelerAção"

Bruno Moreira disse...

Meu nome é Bruno Moreira e participei da provo no carro 519,na manhã do dia 07/08/11 estávamos no final da fila de largada, aguardando nosso horário, conversando com outros competidores. Quando não mais que de repente ouvimos uma discussão no início da fila de largada, como não tínhamos visão do local, nos aproximamos para vermos o que estava ocorrendo.

Chegamos no instante em que o competidor Ricardo Soares havia descoberto um segundo prego sob a roda do terceiro carro no. , do competidor Leandro, e se dirigiu ao competidor Bruno Sander para “tirar satisfações”. Graças a atuação firme do comissário Sr. Davi, uma confusão ainda maior foi evitada, já que os competidores ali presentes estavam totalmente indignados e revoltados com o acontecido.

O que vimos a seguir foi uma discussão que se estendeu até o instante da largada do primeiro carro, onde os competidores Fabrício e Ricardo afirmavam terem visto o piloto Bruno Sander agachado próximo aos pneus dos carros onde estavam os pregos e este se defendia dizendo ter encontrado prego semelhante sob o pneu do seu carro.

Importante salientar que o Sr. Paulo “Animau” (navegador do com “cara de quem não estava entendendo nada”, totalmente constrangido com a situação.

No neutro, em Lima Duarte, a competidora Sabrina afirmou ter visto o Sr. Bruno Sander agachado próximo ao pneu do carro no.516 , dos competidores Wander e Totonho, que por coincidência ou não, tiveram o pneu do seu carro furado por um prego semelhante aos encontrados no momento da largada.

Cumpre consignar que analisando friamente os fatos ocorridos e mesmo não tendo visto o Sr. Bruno Sander em ação, acreditamos que o mesmo seja o responsável pelos pregos nos pneus dos carros.

É fantasiosa e descabida a justificativa apresentada pelo piloto Bruno Sander na tentativa de se isentar de culpa, na qual afirmou ter sido vítima de um complô formado pelos participantes do Jeep Club de Juiz de Fora/MG em conjunto com a FMA, com o intuito de acusá-lo de sabotagem e desclassificá-lo deixando o caminho livre para os competidores locais vencerem.

Tal justificativa não procede. Primeiramente pela competência da dupla Fabrício e Fernando,atuais campeões brasileiros na categoria graduados, que jamais precisariam deste tipo de subterfúgio para conquistar uma vitória. Segundo, por conhecermos o caráter e o espírito dos competidores do Jeep Club Juiz de Fora/MG, com os quais já participamos em várias competições de nível Estadual e Nacional, nas quais os mesmos se destacam, além da competência, pelo companheirismo e espírito esportivo, jamais tendo presenciado alguma atitude ou escutado relatos que os desabonassem como pessoas ou competidores.



Por fim, indignados e perplexos com as atitudes do Sr. Bruno Sander, que além de trapacear colocou em risco a vida de outros competidores, o que não condiz com o espírito dos amantes do off-road, esperamos que o mesmo sofra uma punição exemplar, sendo banido de todos os tipos de esporte à motor, a fim de que episódios tristes como esse não mais se repitam.

Anônimo disse...

E ai pessoal, alguma novidade sobre esse caso? Se a federação mineira já julgou ou o bonitão ainda tá por ai apavorando?

Anônimo disse...

Parece que ele continua "apavorando". Ele está inscrito e confirmado para o Caminho novo em outubro. Caso ele se safe dessa vai tentar coisas mais... eficazes e discretas na próxima...

TRANSAMAZÔNICA CHALLENGE 2011

Correio Técnico...

Tem alguma dúvida? Quer saber sobre algum assunto 4x4?
Mande um e.mail para: duvidas@transamazonicachallenge.com.br